A repintura dos edifícios antigos é um dos grandes desafios com que os técnicos da área da conservação e restauro se deparam hoje em dia. A reparação e pintura de um edifício antigo com produtos inadequados pode comprometer a performance do mesmo, impossibilitando eventuais intervenções futuras e afectando seriamente a sua durabilidade. Verifica-se que as tintas plásticas convencionais não são adequadas para aplicação em paredes de edifícios antigos. Quando aplicadas formam um filme que têm uma acção selante nas paredes, alterando o seu comportamento global à água. Estas tintas apresentam também, em geral, uma fraca aderência e baixo poder de consolidação dos rebocos frágeis e de superfícies caiadas. Desta forma, surgem facilmente vários tipos de degradação na superfície tais como, empolamento, fissuração e destacamento.
A TINTA DE SILICATO é uma tinta aquosa, baseada num ligante inorgânico de silicato de potássio, adequada para paramentos exteriores de edifícios antigos. Apresenta as seguintes qualidades:

-Excelente compatibilidade com substratos minerais, incluindo alcalinos;
-Penetra em profundidade, petrifica e promove a coesão do substrato;
-Excelente opacidade;
-Boa resistência a fungos, algas e raios UV;
-Boa permeabilidade ao vapor de água;
-Baixa absorção de água;
-Odor pouco intenso;
-Acabamento mate mineral, permitindo manter o aspecto histórico da superfície pintada.
Especialmente indicada para pintura de substratos de natureza mineral, sendo os mais apropriados:
-Rebocos novos ou antigos, de cimento;
-Fibrocimento;
-Superfícies de betão (depois de remover os resíduos dos descofrantes);
-Muros de pedra natural;
-Superfícies caiadas, novas ou antigas (com tratamento prévio).
Modo de utilização

- A TINTA DE SILICATO deve, sempre que o estado da superfície o justifique, ser diluída com PRIMÁRIO DE SILICATO de acordo com as indicações constantes na ficha técnica. A aplicação deverá ser em 2 a 3 demãos, com 12 horas de intervalo entre si.
Nota 1: No caso de se verificarem fissuras de grande dimensão ou mesmo de nível estrutural deve proceder-se à sua reparação antes de iniciar o processo de pintura.
Nota 2: A TINTA DE SILICATO não deve ser utilizada na repintura de tintas plásticas tradicionais.
Nota 3: Proteger devidamente todas as superfícies de vidro ou alumínio, pois o contacto com a TINTA DE SILICATO pode danificar estes materiais.
TINTA DE SILICATO está disponível em branco e cores inorgânicas, nas capacidades de 5 e 15 litros.
A informação contida nesta newsletter não dispensa a consulta da respetiva ficha técnica antes da utilização do produto.


José Marques  
DID Construção Civil